Looking for something?

noticia

Hillary Clinton já foi rejeitada pela Nasa

Hillary Clinton já foi rejeitada pela Nasa

Candidata que tentava ser a primeira mulher presidente dos Estados Unidos, também já sonhou em ser a primeira mulher astronauta da Nasa. Imagem: National Review



Após uma campanha acirrada, a candidata democrata que sonhava em ser a primeira mulher a presidir os Estados Unidos, Hillary Clinton foi derrotada nas eleições realizadas ontem (9), pelo famoso e polêmico Donald Trump.

O que poucos sabem é que Hillary também já quis ser a primeira mulher astronauta, mas foi rejeitada pela Nasa na década de 60.

Segundo Hillary, o seu interesse pela exploração e viagens espaciais é uma influência de seu pai, Hugh E. Rodham, que sempre se mostrou preocupado com os EUA não terem sido pioneiros na exploração espacial.

Em 1961, quando Hillary tinha apenas 13 anos, inspirada em Amelia Earhart, a primeira mulher aviadora dos EUA, ela escreveu uma carta para a Nasa perguntando como ela poderia se tornar uma astronauta.

Na época, a Nasa havia anunciado a sua primeira equipe de astronautas e começava a perseguir a determinação do então presidente John F. Kennedy de colocar um americano na Lua até o final daquela década. No entanto, as mulheres não foram aceitas inicialmente no programa espacial. Para ser astronauta, a exigência da Nasa era que os candidatos tivessem um diploma de engenharia e grande experiência como pilotos de teste.

A Nasa respondeu a carta de Hillary recusando educadamente seu sonho de infância. A jovem Hillary ficou deprimida, mas percebeu que não poderia passar nos testes físicos da Nasa, independente do gênero, por não ser tão atlética e não enxergar bem.

Essa história é contada frequentemente por ela, porém, nem Hillary nem a Nasa conseguiram recuperar a carta de recusa. A Nasa nunca confirmou a veracidade da história mas também disse que não há razão para acreditar que ela não seja verdade.

Em 2013, uma carta datada de 1962 apareceu na rede social Reddit, aparentemente postada por um usuário alegando que uma amiga de sua mãe havia recebido. Endereçada à uma Srta. Kelly, uma estudante da Universidade de Connecticut, mostrava que Hillary não foi a única a querer ser a primeira mulher astronauta. Assinada por O. B. Lloyd Jr., então diretor de informação pública da Nasa, a carta dizia: “Seu interesse para ir numa missão espacial é louvável e estamos muito gratos. Informamos que não temos nenhum programa com mulheres astronautas, nem contemplamos qualquer plano. Agradecemos seu interesse e apoio ao programa espacial do país.”

Novamente, a Nasa não confirmou a veracidade mas reafirmou que não tinha motivos para duvidar de sua autenticidade. Recentemente, outras cartas dessa época surgiram, algumas com tons mais encorajadores tanto para meninos quanto para meninas, outras que reforçam a história de Clinton. Tal atitude pode indicar que a Nasa ainda não tinha uma posição definida de como responder as dúvidas de futuras astronautas.

A verdade é que a história de Hillary Clinton é condizente com o política espacial americana da época. A primeira mulher a ir ao espaço foi a russa Valentina Tereshkova, em 1963, a bordo da nave Vostok VI. Somente em 1983, 20 anos depois do voo russo, Sally Ride tornou-se a primeira mulher norte-americana a ir ao espaço.

PLANOS DE GOVERNO

Em sua página oficial, Hillary não apresentou nenhum plano de governo sobre o programa espacial americano. Tudo o que sabemos são depoimentos colhidos durante a carreira pública e suas campanhas à presidência.

Em 2008, na sua primeira corrida presidencial que participou, Hillary defendia reverter os cortes feitos no orçamento da Nasa. Atualmente o orçamento da Nasa está em 19 bilhões de dólares anuais.

No ano passado, em uma prefeitura de New Hampshire, questionada sobre sua política espacial, ela respondeu: “Eu realmente, realmente apoio o programa espacial”. Ela também é à favor do desenvolvimento da indústria privada espacial, mas que o investimento em pesquisa e novas descobertas deveria partir exclusivamente de verbas governamentais.

Hillary também prometeu investigar OVNIs. “Sim, eu vou chegar a fundo nisso”, disse a candidata. Em 2014, seu marido, Bill Clinton, já havia dado um declaração de que não ficaria surpreso se a Terra fosse visitada por extraterrestres, já que existem muitos planetas que poderiam apoiar a vida. “Eu só espero que não seja como o filme Independence Day”, disse o ex-presidente.

carta-de-recusa-da-nasa-de-uma-candidata-a-mulher-astronauta

Suposta carta recusando a admissão de uma mulher no programa espacial. Foto: Reprodução

Não esqueça de comentar! 217 futuros astrônomos viram

Hemerson Brandão

Jornalista freelancer escrevendo sobre ciência, tecnologia e exploração espacial. Nas horas vagas medita sobre a vida, o universo e tudo mais.

Related Post